A realidade é outra se você fizer parte dela

Notícias Destaque

10/08/2017

Provopar Estadual repassa livros e materiais didáticos doados pela Editora e Instituto Positivo para alunos de Almirante Tamandaré

A parceria entre Provopar Estadual, Editora Positivo e Instituto Positivo foi responsável pela doação de mais de 47 mil itens, entre materiais didáticos e livros, para atendimento de cerca de 3500 crianças da rede pública de ensino do município de Almirante Tamandaré. O evento de repasse foi realizado na última quarta-feira (09), durante o lançamento do Programa Rede Jovem, que contou também com a entrega de ônibus escolares e anúncio de diversas melhorias para área educacional do município. O repasse simbólico dos livros foi feito pela diretora social do Provopar Estadual, Silvana Maia Aichinger, acompanhada da diretora do Instituto Positivo, Eliziane Gorniak, ao prefeito do munícipio, Gerson Colodel.

Durante a cerimônia, que aconteceu na parte da manhã, no Clube Campestre do dos Empregados no Comércio de Curitiba e Região Metropoliana, o governador Beto Richa assinou o termo de cooperação para o desenvolvimento de ações conjuntas. “O Rede Jovem abre mais possibilidades para os adolescentes do Paraná. Com esta nova iniciativa, os adolescentes terão ainda mais chances de atingir todo o seu potencial social, econômico e intelectual para se tornarem protagonistas de seus destinos", disse Richa.

O assessor especial do Governo do Estado para assuntos da Juventude, Edson Lau, explicou que com o Rede Jovem serão elencados, em cada município, indicadores como evasão escolar, distorção idade-série, violência e mortes evitáveis. “Com esses dados buscaremos melhorar os índices, por meio de um trabalho conjunto entre governo, prefeituras e sociedade civil", disse.

Já o prefeito de Almirante Tamandaré, Gerson Colodel, afirmou que o programa vem ao encontro das necessidades do município. “O Rede Jovem vai colaborar para o enfrentamento da séria questão da vulnerabilidade dos nossos jovens, principalmente quanto à violência”, afirmou.

O governador Beto Richa lembrou que em Almirante Tamandaré foi inaugurado, em 2016, o Centro Estadual de Educação Profissional Theodoro de Bona, que oferece cursos técnicos aos jovens. O município também tem Centro da Juventude, espaço de convivência criado pelo Estado que oferece atividades em tempo integral a jovens e adolescentes.

Além dos já citados, marcaram presença no evento a Secretária da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa, a Secretária Estadual de Educação, Ana Seres Trento Comin, o Secretário Estadual de Segurança Pública, Wagner Mesquita, o secretário Municipal do Esporte, Lazer e Juventude de Curitiba, Marcello Richa, o Deputado Estadual, Alexandre Curi, a primeira-dama do município e Secretária Cultura, Ação e Desenvolvimento Social, Viviane Colodel, o vice-prefeito, Daniel Lovato, o presidente da Câmara João Marcelo Bini, o Secretário Municipal de Educação de Almirante Tamandaré, Juciê Parreira, e demais secretários e vereadores do município.

Sobre o Programa Rede Jovem

O Programa Rede Jovem, objetiva estabelecer à emancipação e proteção dos jovens que se encontram em situação de alta vulnerabilidade social no Estado, de modo a garantir integração de ações das áreas de educação, saúde, assistência social, segurança pública, trabalho e demais instituições, visando o pleno desenvolvimento e protagonismo da população jovem em situação de risco que congrega cidadãos e cidadãs com idade entre 15 e os 29 anos.

A finalidade desta política é construir uma rede de dados que retrata a condição de vida do jovem paranaense e que estenda um plano de ações intersetoriais no enfrentamento das fragilidades constatadas, decorrentes de indicadores existentes, como o IVJ – Índice de Vulnerabilidade Juvenil, constituído por diversos indicadores (saúde, educação, segurança e trabalho e renda), com o objetivo de acompanhar as condições de fragilidades  dos jovens em todo o Estado, ressaltando que quanto mais próximo de 1 maior a vulnerabilidade.

Os efeitos desta política por parte do poder público são fundamentais ao que diz respeito a duas questões. A primeira que se refere ao mapa da juventude paranaense, e a segunda que diz respeito a ampliação de políticas para a população jovem, reafirmando que a pessoa humana tem direito à educação, trabalho e emprego, cultura, informação, proteção, liberdade, autonomia, à convivência familiar e comunitária, aos direitos e deveres já assegurados, mas que precisam avançar na efetividade.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.